Quem precisa de um corretor de imóveis?

“Onde fica a saída?”, Perguntou Alice ao gato que ria.

”Depende”, respondeu o gato.

”De quê?”, replicou Alice;

”Depende de para onde você quer ir…” (Alice no País das Maravilhas)

Alice_in_Wonderland_by_MeganeRid

Nada como começar um texto com um mote. E os clássicos da literatura cabem em qualquer situação que seja humana, uma vez que a função da arte literária é promover o conhecer-se Conhecer o outro e o mundo.

Se quisermos um caminho, uma direção, basta que saibamos onde queremos chegar. Só construímos nossos sonhos com foco definido, com habilidades técnicas para chegarmos lá e competência que promove nossas ações.

Como vender, bater metas e sobreviver às pressões diárias de uma profissão que depende de uma segunda parte (o cliente) para que o negócio seja definido?

Em primeiro lugar, o corretor imobiliário deve ter consciência da sua importância e dos serviços que presta durante a mediação. Em publicação recente, já salientei que vendemos benefícios e não meramente itens. O corretor imobiliário, como afirma a empresária Ismê da Ismê Assessoria Imobiliária, realiza sonhos. Assista ao vídeo.

Estar seguro e confiante diante da profissão é o primeiro passo para valorizar os detalhes do imóvel, influenciar com respaldo e competência na negociação e, sobretudo, fidelizar o cliente e sua marca no mercado onde atua.

Informação, boa argumentação, sinceridade, humildade, foco e determinação são ingredientes que se renovam a cada dia na rotina do corretor. Se a venda parece perdida, reverta a situação. Retome a argumentação de forma diferente, mais consistente. Repetir o mesmo script torna o “vendedor” uma pessoa insistente, chata, que torna o contato indigesto. Abra o leque de possibilidades ao cliente. Afinal de contas, para um passo tão importante ele o escolheu como parceiro, apoio num passo tão definitivo.

O seu desempenho, por mais infraestrutura, tecnologia, investimento motivacional que possa existir; depende unicamente de você. Sejam em épocas de vendas mais aquecidas ou em crises mais iminentes, os seus valores não devem se alterar. A chama interna pela busca do melhor é sua, intrínseca e intransferível.

E lembre-se, você só encontra a saída se souber para onde quer ir.

 Boas vendas!

 

Texto: Maria Luiza Salvadori de Carvalho Wolk
Imagem: meganerid.deviantart.com

4 thoughts to “Quem precisa de um corretor de imóveis?”

    1. Oi, Roberta, obrigada, acho sempre bacana a gente fazer a alusão e a comparação com a literatura universal. Afinal de contas na literatura, nós nos conhecemos, conhecemos o outro e o mundo. Bons negócios para você!

  1. No entanto, não podemos esquecer que o início da atividade geral de formação de atitudes agrega valor ao estabelecimento da gestão inovadora da qual fazemos parte.

    1. É verdade, Gabriel, e dignificar o trabalho e toda o conhecimento do corretor imobiliário é importantíssimo. Obrigada pela interação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *