Precificação imobiliária: o que conta na avaliação do imóvel?

Entenda através deste artigo quais são os pontos fortes de um imóvel e os detalhes que devem ser levados em consideração no momento de fazer uma avaliação.

A oferta de imóveis é imensa, a tecnologia aproximou corretores dos compradores finais. As opções são analisadas na própria internet através de sites, portais e redes sociais. Através de critérios objetivos fica mais fácil atender bem seu cliente que te procura para vender imóveis e aquele que busca comprá-lo.

Construção

O imóvel bem construído e conservado possui mais vantagens em relação àquele em que se necessitam reformas para ser habitado. Os reparos referentes a infiltrações, rachaduras e fundações também devem ser contabilizados, uma vez que podem ser emergentes.

Localização

Item indiscutivelmente número 1, a localização é o motivo central para um comprador fechar a aquisição do imóvel. Você, corretor, deve entender a dinâmica da sua região, os bairros com alto crescimento, àqueles que são voltados para um público C ou B. Além disso há os bairros com mais valorização que outros, os que estão se transformando de residenciais a corporativos. Enfim, todos esses dados influenciam na avaliação do imóvel.

Acabamentos

Ainda presos ao estilo ou década, a manutenção do acabamento conta invariavelmente no momento da precificação imobiliária. Um imóvel com bom e conservado acabamento promove uma boa impressão e conquista o visitante. A mudança de acabamento por um novo proprietário também pode ser bem-vinda, pois o estilo e gosto são critérios pessoais. O importante é que estejam em bom estado para o olhar dos interessados.

Estrutura de condomínios

Quando o imóvel está em um condomínio, a avaliação segue outros critérios. A oferta de itens de área de lazer e comodidades aos moradores contam muito no momento de se precificar o imóvel: quadra poliesportiva, salão de festas, cinema, paisagismo, piscina, portaria 24h e outros fatores podem alterar o preço do imóvel. Até mesmo o estilo da construção: um empreendimento de luxo, com apartamentos maiores ou aqueles mais populares e sem tantas benfeitorias de área comum.

Bem, o mais importante na avaliação imobiliária é a vivência do corretor, aquele olhar certeiro sobre as potencialidades da cidade, o desenvolvimento dela, o conhecimento sobre a valorização de algumas áreas, por conta de migrações, implantação de grandes empresas, benfeitorias públicas como escola, parques, praças e áreas de comércios. Somente o corretor que possui esse conhecimento de sua cidade ou região pode contribuir para  a precificação correta do imóvel, criando agilidade para o fluxo de vendas sem depreciar e desvalorizar o imóvel do cliente.

.

Durante o Mês de Agosto estamos com uma Promoção Especial:
A Mensalidade Mais Baixa do Ano no Site + Sistema para Corretores. Aproveite!

 

.

2 thoughts to “Precificação imobiliária: o que conta na avaliação do imóvel?”

  1. no meu inicio da corretagem, nos tempos de 1970, não tínhamos essa alavanca de conhecimentos que se tem nos dias de hoje, fazendo com que os jovens corretores de hoje estão dando uma verdadeira surra nos antigos, perdi para internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *