O que fazer quando a crise afeta o setor imobiliário?

Colegas corretores já confirmam os efeitos da crise no mercado imobiliário.

Em tempos de crise e investimento retraído, profissionais imobiliários já negociam as suas comissões. Quem não flexibiliza, não vende.

A perspectiva para o ano com a crise econômica e também desestabilização financeira e política não é de grande confiança para quem compra imóveis. A mistura é bombástica: agravamento da situação financeira, consumidores inseguros quanto ao futuro dos seus investimentos e percalços nos recursos de financiamentos. Para imóveis novos ainda houve uma maior procura, uma vez que a busca pela primeira moradia vale o sacrifício. Já para imóveis na planta queda foi significativa pela insegurança econômica e falta de investimentos em novos projetos.

Diante disso você, corretor imobiliário ou mesmo gestor de imobiliárias, não pode se entregar ao ostracismo. O investimento em soluções certeiras é fundamental. Trocar ações que tenham impacto local pelo on-line é uma delas. Apostar em melhorar o seu posicionamento no Google e atrair clientes com um site veloz, completo e vendedor podem significar pontos de vantagem diante da concorrência. Como já falamos neste post  http://blog.uso.com.br/index.php/10-acoes-de-marketing-de-impacto-em-tempos-de-crise/  ,   quem está com o dinheiro na mão tem medo da liquidez e o investimento imobiliário ainda é a escolha de boa parte dos investidores.

Quer saber mais como a Union Softwares pode ajudar você, clique aqui.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *